A mudança vital de Scarlett Johansson

 

A atriz Scarlett Johansson - Reuters
Scarlett Johansson prepara-se para dar uma reviravolta em sua vida. Em breve será mãe e diretora de cinema, além da sua consagrada carreira de atriz à qual vêm se juntar este ano quatro filmes, o primeiro deles o “Capitão América: o soldado invernal”, com lançamento previsto para quatro de abril.

A nova-iorquina é um desses casos particulares de crianças que se tornam atores ou atrizes e conseguem superar sua adolescência em Hollywood sem perder papéis e cuja fama explode quando chegam à idade adulta – no caso dela como “sex symbol” aos 19 anos, com o filme “Encontros e Desencontros” -, e aprendem a resistir aos olhares curiosos sem criar escândalos.

“Tive sorte e, embora tenha me envolvido em diferentes situações, como todos os adolescentes, consegui ser muito discreta. Nunca tive um estilo de vida chamativo e acho que isso ajudou”, disse Scarlett.

Durante a entrevista, a reservada atriz exibia a aliança que simboliza o compromisso com seu noivo francês Romain Dauriac, e sua roupa dissimulava qualquer sinal de uma gravidez que ainda não confirmada oficialmente, mas que até o presidente do estúdio Marvel, Kevin Feige, tem certeza. 

Scarlett afirmou que seus planos de filmagem não mudaram e será a Viúva Negra em “Vingadores: Era de Ultron”, que começará a ser rodado no fim do ano, o mesmo papel que ela já interpretou em “Homem de Ferro 2” (2010) e em “Os Vingadores” e agora em “Capitão América – o soldado invernal”, onde participa de muitas cenas de ação.

“É preciso um pouco de tempo para voltar a entrar na pele do personagem e nos atualizarmos sobre como mudou esse universo Marvel em que vivemos”, disse ela. No filme Capital América – o soldado invernal, a Viúva Negra, mestre do embuste, é vítima do seu próprio remédio e mostra-se mais vulnerável e próxima, o que aumenta o interesse sobre uma heroína que pretende ter um dia um filme em que ela será a protagonista.

“Espero que a Marvel me contratou devido à minha capacidade de dar forma a um personagem, porque as pessoas querem ver seu lado humano. Seria um mau uso do meu tempo se a personagem funcionasse como uma máquina de matar”. Com 20 anos de carreira a atriz, que fará 30 anos em novembro, disse que aprendeu com o tempo a ser mais compreensiva e indulgente, o que lhe permitiu entender melhor seus personagens. Uma maturidade que também levou-a a romper com seu estereótipo.

“Tenho muitas ambições relacionadas ao mundo do entretenimento e que vão além de atuar em filmes” disse ela, confessando que, “num futuro não muito distante” pretende dedicar-se à produção e também ao ensino. “Vou dirigir meu primeiro filme em 2015. Sempre achei que minha carreira seguiria este caminho. Adoro trabalhar com atores, posso ver-me um dia dando aulas, talvez até dirigir peças de teatro”, comentou.

Há algum tempo Scarlett vem trabalhando na adaptação para o cinema do primeiro romance de Truman Capote, “Summer Crossing” . Ela mesma escreveu o roteiro e realizará o filme, faltando apenas definir o elenco.“É um grande passo, um grande risco, mas se sair bem do ponto de vista criativo, será um grande sucesso”, acrescentou. A atriz tem muitas expectativas pessoais no tocante a este filme, a ponto de qualificá-lo como uma experiência que mudará sua vida.

“Esperemos que para melhor”, disse. Além disso terá de lidar com um elenco de adolescentes e jovens adultos, uma etapa vital em que “envolveu-se em confusões”, embora numa época em que a mídia não era “tão feroz e impiedosa”. Indagada sobre as polêmicas recentes em que se envolveram famosos como Justin Bieber e Miley Cyrus, Scarlett disse que “compreende a sua situação”, embora não se identifique com ela”.

“Não me lembro de, há dez anos, os tabloides serem tão duros e críticos com relação aos jovens. Isso não ocorria. É terrível como atormentam os jovens famosos e os prejudicam dessa forma”, afirmando ter pena do que essas jovens estrelas estão passado. “Sinto-me afortunada por não ter vivido isto. Agora, se percebo que abusam de mim, posso suportar, aceitar os ataques melhor”, disse Scarlett que em 2011 enfrentou uma péssima situação quando um hacker roubou fotos suas do seu correio eletrônico em que estava nua e que pretendia enviar ao seu marido na época, o ator Ryan Reynolds, e acabaram na Internet. 

Leave a comment

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: